sexta-feira, 11 de outubro de 2019

Eu não sinto mais medo!

Para que vejamos o real sentido de um momento basta sentir profundamente e abençoar. E tudo aconteceu assim.
De cerca em cerca a martelada se fez, um homem à desconstruir e construir, as crianças ao seu lado o encorajando. Ou seria um coletivo a brincar? E pouco a pouco uma espada surgiu. Pela janela vejo um menino gritar: a minha espada vai até o céu.

Uma história, todos os dias, a jardineira (também chamada de professora) vai contar: eis vinte crianças que moram nas estrelas, na Terra querem chegar. Trazem consigo sementes, bulbos e raízes para um jardim aqui plantar. O dragão por ali está sempre a vigiar pois a escuridão ele quer deixar. Mas um celeste herói, com força e coragem lutará até o inimigo fraquejar. As crianças alegres vão enfim comemorar. Com a espada presenteada cada semente vão plantar.

No outro dia, o quintal do vizinho para brincar. Nele o brincar vira trabalho duro, construir pontes e sentir melodias. Micael está ali. E um menino diz "eu não sinto mais medo". Logo ali o laçar com cipó é visto pelos olhos da criança como um escudo de Micael. É uma imagem completa. Um barreiro adormecido reverencia um novo caminho. A corrente de mãos num paredão à escalar, e mutuamente a se encorajar.







E para enfim celebrar Micael, a luz interior no túnel os guiou. Força, velocidade, confiança e verdade. Vindo um a um até sua espada. Harmonia no abraço e um dizer verdadeiro: "cresce com coragem no calor do mundo".








Estela Paul
Jardineira (professora) das Crianças Estrelas do Relicário de Luz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por deixar o seu comentário e enriquecer ainda mais o nosso trabalho.